Segunda-feira, 20/11/2017. Boa noite. Seja Bem-vindo(a)!



Notícias

DAER/RS confirma o repasse dos Recursos do BNDES para atender Convênios e a continuidade das Obras da ERS-491.

08/04/2015

Em Audiência ocorrida no dia 08/04,  na sede do DAER/RS com a presença do Diretor Geral Sr. Ricardo Nunes,  da Engenheira Gladis, do Presidente da FAMURS e  Prefeito de Tapejara Sr. Serger Menegaz(PMDB), do Prefeito de Vale do Sol, Sr. Clécio Halmenschlager(PMDB) e do Prefeito de Marcelino Ramos Sr. Juliano Zuanazzi(PT), juntamente com demais autoridades e lideranças destes Municípios o Diretor Geral do DAER confirmou que está depositado  no caixa do Tesouro do Estado os recursos que objetivam atender uma série de contratos de pavimentação existentes entre o DAER e os municípios decorrentes de Convênios que são financiados pelo BNDES.

Além de Marcelino Ramos também participam deste convênio os  municípios de Charrua, Cruzeiro do Sul, Entre Ijuís, Júlio de Castilhos, Santiago, Tapejara e Vale do Sol. O valor total a ser liberado para as obras os  se aproxima do R$ 21 milhões, com a contrapartida que cabe a cada municípios.

A partir da reunião desta quarta-feira,  cabe  agora aos municípios e as empreiteiras darem prosseguimento as obras para que a execução ocorra com agilidade, visto que os recursos estão garantidos.

O Prefeito Juliano Zuanazzi ressaltou que os recursos da contrapartida que cabem ao  Município também estão disponíveis em caixa,  e desta forma aguarda para que em breve aconteça o inicio dos trabalhos. Nos próximos dias  estará sendo marcada  uma reunião com a empresa Traçado  para ser elaborado um cronograma de obras.

"Foi uma reunião proveitosa e esclarecedora pois muito se falava que os contratos de convênios poderiam ser contingenciados, isso não vai ocorrer pois o Diretor do DAER, Sr. Ricardo Nunes, confirmou a disponibilidade destes recursos através do Financiamento que o Estado fez junto ao BNDES especificamente para esta finalidade", finalizou o prefeito Juliano.

O Convênio total para Marcelino Ramos  contempla 5,5km e tem um valor previsto de R$ 5.402.689,28 com contrapartida  do município no valor de R$ 1.350.230,74. A obra será realizada  entre o trevo do "seu Julinho" (entroncamento RS-331), até próximo a propriedade do Sr. Waldir Schneider onde a primeira etapa da obra está sendo  realizada.

Na reunião  foram apresentados números  de que já estão depositados no Caixa do Estado R$ 4.194.286,40 para a obra da ERS-491, sendo que o restante será disponibilizado  com a realização da  pavimentação.